hoje tem festa no céu!

pai2000.jpg
meu querido pai,
eu sei que voce entende minhas palavras que são tradução mal-feita dos meus sentimentos.
algumas pessoas podem se assustar com meu jeito de traduzir, mas eu sei que voce sabe direitinho o que vou falar. alias, pelo sr. nem precisava falar porque dai de cima voces tem esses super-óculos e podem ver tudo, né? mas sou eu que preciso dizer.
sabe pai, eu só tive duas grandes dores na minha vida. eu falo de dor de mesmo, de verdade, daquelas que a gente não consegue descrever. talvez um grande poeta consiga uma imagem, mas eu não sou poeta pai, e a dor que eu senti na sua partida me despedaçou todinha. voce lembra né? aqueles dias em que o medo se apoderou do meu corpo todo e que fiquei encolhida na cama, tremendo como se eu tivesse nua no polo norte. ai que frio. a mulher destemida virou pó de medo.
normalmente as pessoas dizem que perderam o chão… eu dizia que tiraram meu teto e dali pra frente eu teria que “negociar” diretamente com deus, sem voce pra mediar.. eu estava enganada, meu pai. agora mais do que nunca tenho um mediador me aproximando do pessoal aí de cima.
hoje, voce sabe melhor do que ninguém o quanto a sua partida foi importante pra mim. parece que voce ficou mais perto, ou melhor, ficou dentro. agora eu respiro fundo e sinto voce inteiro, me protegendo. me guiando. me iluminando, me dizendo as coisas que eu teimava em não ouvir. agora eu não só escuto e entendo, como sigo cegamente.
depois que o sr. partiu eu mudei tanto. depois que eu fui colar meus pedaços espalhados, eu me juntei de um jeito melhor, pai.
voce me fez uma pessoa feliz. mais feliz ainda. antes eu já me sentia privilegiada de ter nascido de voces e ter crescido rodeada de amor, carinho e valores impecáveis.
não posso me sentir de outro jeito, a não ser grata! é assim que eu acordo todo dia: vestida de gratidão. e por isso estou aqui, mais uma vez pra lhe agradecer. pra dizer o quanto eu te amo. este amor que é eterno mesmo, chama que não apaga nunca, transcende o corpo porque é amor da alma pai.
hoje tem festa no meu coração porque é aqui dentro onde voce ficará vivo, sempre!
se o sr ainda tivesse corpo tava fazendo 79 anos hoje. como agora só tem “alma” não tem mais idade, virou amor.
update:
pordosolabril23.jpg
tinha acabado de chegar em casa. o tempo tava bem fechado e de repente o sol achou uma brecha no meio das nuvens-cor-de-chumbo. peguei câmera e fui pra varanda contemplar.
mais de repente ainda, vejo um lindo arco-íris, daqueles inteirinho, que dá vontade de sair escorregando.
o aniversário é do meu pai, mas quem ganhou presente foi eu. uia!
rainbownoon.jpg
mas o mais louco é que enquanto fotografava não vi essa lua… o paul tava comigo na varanda e também não viu, mas quando transferi a foto apareceu, simples assim. coisa boa é receber presente desembrulhado :-))

14 comentários em “hoje tem festa no céu!”

  1. Liiiiiilia do céu, pegastes emprestado os óculos do teu pai e descrevestes o meu? E a mim, e a tudo em relação à? Nossos amados, sem mais idades porque viraram amor, fizeram bonito, hein? Ainda fazem… E as plantas de estufa vão virando carvalhos. Ou tentando. Um abraçuu do tamanho do mundo, amiga. Neste e no outro.

  2. aMEI ESSE DESFECHO DO POST, ONDE VOCÊ CONSEGUIU EXPLICAR MUITO BEM O SENTIMENTO QUE FICA DEPOIS DA PERDA.
    É INTERESSANTE ESSE ENTÃO, TALVEZ ENTENDIMENTO, ESSA PAZ ESPIRITUAL. para mim ainda é extremamente confuso e não resolvido à morte de meus pais.
    O que importante é comemorar esse amor latente, felicidades.
    E obrigada pelo e.mail de dias atras, beijos

  3. Gostei do seu site.
    Gostei do seu jeito de se comunicar.
    Muito bonito,voce escreve bem.
    Li muita coisa.Ainda ha muito pra ler.
    Parabens.
    João.

  4. eu lembrei do vovôinho ontem de madrugada… e hoje entro no teu site (coisa q a muito tempo nao fazia) e vejo uma foto dele… acho que as pessoas que não estão presente e/ou fisicamente próximas estão sempre em atitudes que tomamos baseadas nos valores por elas ensinadas…

  5. Vou embora com um gostinho salgado saindo dos olhos e entrando pela boca…
    Minha linda, não posso deixar passar, mesmo com este post lindo e sentimental: danem-se os bolinhos de caranguejo! kkkkkkkkkkkkkkk!
    Bjs, querida!

  6. Seu pai sempre fica com voce e continua a viver dentro do seu coracao mesmo que agora ele fique em cima do ceu…Mas, sempre ele vai guiar pra voce ficar mais, mas muito mais feliz!! Ele e eternamente o seu querido pai!!

  7. leiloca: que legal que temos pais em comum :-)) amém!
    ingrid: pois é amiga, foi uma grande perda, mas depois “entendi” que não perdi tanto assim, ganhei um bocado. porque além de ainda te-lo por perto a fervura da dor me fez melhor. que o confuso se dissipe e voce “entenda” melhor!
    joão: seja bem-vindo! agradecida viu? fique à vontade pra vadiar!
    sobrinha-julia: pra voce ver, ele ta bem presente!!
    adorável rô-amante-dos-caranguejos: i am sorryyyyyyyyyyyyy. que posso eu fazer se eles me perseguem???

  8. Lilia que coisa mais linda de se ler.
    Parabens por tudo, pelo seu pai, pelo seu coração, por vc mesma.
    Beijocas no coração.
    E PARABENS PARA O SEU PAI, que onde quer que esteja estará festejando com certeza.

  9. querida lilia
    nossos pais aniversariam no mesmo dia.
    hoje festejamos 67 primaveras do meu pai.
    hoje tem festa na terra e no céu!
    bjks
    boa semana

  10. Lilia bom dia !!! Eu fiquei tão emocionada quando li o post, cheguei a ficar com os olhos cheios de lágrimas. Seu pai, está tão orgulhoso por ter uma filha como vc. Suas palavras de amor ficaram eternizadas na minha mente. Que fotos tão lindas, a da lua então… talvez tenha sido presente encaminhado a ti mesmo. Um beijo minha querida e tenha uma linda semana, cheia de sol que é o que vc adora !!!

  11. LILIA, ma chère:
    Passo atrasado para ler o que me avisou que escreveria. Digo que cet hommage parece sair do mais fundo d´alma.
    Amitiés, BetoQ.

  12. Presente desembrulhado, só tu mesmo..
    Te pai, ai que lindo que tu escreveu para ele, Lilia. Essas coisas de família são assim, arrepiam e dão aquele nó na garganta… Tenho passado dias muitos felizes, eu e minha mãe fizemos as pazes, embora nada tenha sido dito, eu e a Daniela parece que nunca nos afastamos, enfim, estou feliz demais, acho que é ´por isso que não tenho escrito muito, agora é a felicidade que me cala.
    Sua linda da minha vida, teu carinho veio dele e dela, aquela mulher linda que vive aqui no Ceará e este homem que hoje pede por ti lá com o Cara…
    Deus te abençoe e a tua família, cuide bem do teu Bruno. Tu é muito especial e querida. Abraço de urso, daqueles de faltar ar. :)

Os comentários estão encerrados.