jacarés nunca mais & encontros

alegator_heron.jpg
ano passado nós fizemos um passeio de carro por um parque onde tem muitos pássaros e também jacarés. e desde então pensamos em pedalar por lá que é bem bonito, beirando o mar e o mangue. ontem foi feriado por aqui e nós fomos. começamos a pedalar e eu a me deliciar com o tanto de pássaros. e de repente vimos o primeiro jacaré, imenso, impávido, tomando sol. ficamos animados e quando vimos um carro vindo, fomos logo avisando: “tem um jacaré enorme ali na esquerda”. e ele respondeu: “mais à frente tem uns 15!!!” eu achei que era exagero do cara, mas não era naum. tinha jacaré estendido no sol por todo o caminho. tá certo que eles todos estavam bem quietos, imóveis, se esquentando ao sol. tinha de topo tamanho e a quantidade deles foi me assustando. quando me toquei que se um bicho desse decidisse passear um pouco e atravessar a estradinha o que seria de mim? naaaaammmmmmm.
pra completar a câmera ficou em casa e essa foto acima é única pra contar a estória, tirada do celular.
quero bem muito voltar nesse lugar porque o espetáculo de pássaros é belo, mas quero ver tudo de dentro do carro e não mais exposta feito isca pra jacaré. naninanam, tou fora jacaré hahahaha
liliapelicano_cocoabeachpier.jpg
depois desse passeio “arriscado”, fomos procurar um lugar pra almoçar na beira do mar e achamos um pier bem legal (quer dizer, legal porque tá no inverno e chegamos já no final da tarde com vento frio, mas imagino que esse lugar no verão deve ser um inferno de cheio), com alguns bares e restaurantes ao longo dele. no final um barzinho que eles chamam de “tiki-bar” onde esse pelicano parecia muito à vontade com os humanos (eu que tou toda dura com medo que ele voasse). ficou aí nesse canto por todo o tempo que bebemos nossa frozen margaritta.
e por falar em pelicano, no final de semana anterior nós pegamos estrada no rumo de jacksonville onde mora a Ingrid e onde a Mirella e Kiko estão atualmente. íamos nos encontrar na casa da Ingrid no começo da tarde de domingo, daí resolvemos sair daqui no sábado e conhecer devagarinho a costa perto de daytona beach. e eis que na primeira parada que a gente fez num lugar chamado oak hill, me deparo com esses belos pelicanos:
whitepelican_oakhill_480.jpg
aprendemos por um morador local que eles migram todo ano no inverno, vindo do canadá e dos estados mais ao norte dos estados unidos. eu também migraria porque inverno na florida é tudo de bom hehehe.
dormimos em daytona beach e na manhã seguinte fizemos uma caminhada bem legal pela praia onde encontrei essa ruma de gaiovotas do post abaixo. depois rumamos pra jacksonville e foi muito bem bom encontrar esses amigos novamente.
jacksonville_2008_002.jpg
a Mirella e o Kiko eu só tinha encontrado uma vez em 2004, ainda quando morava em hoboken. e é por essas e outras coisinhas tão boas que eu não consigo fechar o vadiando. levo assim na valsa, mas levo porque ele me deu e ainda me dá um monte de alegrias.

9 comentários em “jacarés nunca mais & encontros”

  1. Me identifiquei com os pelicanos ehehehe… Vim do Canada fugindo do inverno ahahaha…
    Foi ótimo te-las encontrado!!! Que venham outros encontrinhos :0).
    bjs

  2. Fechar o vadiando???? ta maluca???? nem pense em deixar a gente!
    Parabéns pelo seu aniversário e que fique muitos anos mais com seu maravilhoso blog irradiando seu alto astral!
    Beijão
    Stella

  3. Como vc não bateu aqui em casa, eu é que venho aqui bater na sua…
    Parabéns!!!!! Muitas felicidades…
    Curta muuuuito seu dia, mesmo que esteja longe da Terrinha!!!
    bjs

  4. No apagar das luzes, mas não me esqueci de você, Lilia. Um beijo grande, com o mesmo afeto de sempre, apesar do sumiço. Adoro você!

  5. Parabéns prá vc nesta data querida…..com relé de atraso!!!!!!!!! hahahahahah
    Tentei colar minha homenagem aqui mas num deu….mandei pelo correio mesmo!
    Não me canso de agradecer tudo de bom que vc faz por mim todos os dias..OBRIGADA!
    O Senhor te abençoe e te guarde!

Os comentários estão encerrados.