ser ou não ser… honesto?

tennisboladentro.jpg eu tenho acompanhado de perto o us open de tennis e esta semana teve uma grande polêmica no jogo entre as americanas serena williams e jennifer capriatti.
quando o jogo é numa quadra de saibro é fácil questionar se uma bola foi dentro ou fora: a marca da bola fica na areia. mas quando o jogo é nessas quadras rápidas (são feitas de piso asfáltico, com percentual de borracha) o negócio é diferente.
tem o juiz principal, sentadinho naquela cadeira alta, e quatro assistentes na quadra, com a única finalidade de gritar se a bola foi fora. e essas pessoas erram e erraram tres vezes neste jogo, sempre contra a serena. o primeiro erro, foi gritante, porque a bola sequer tocou na linha, o replay da tv mostra que a bola caiu completamente dentro da quadra. e ai? como faz numa hora dessas?
o único jeito do juiz voltar o ponto é se o jogador adversário for honesto e admitir que a bola foi boa. essa mocinha capriatti não fez assim em nenhuma das tres vezes que foi beneficiada pelo erro do assistente.
nosso lindo e querido guga sempre admite, como alguns outro tenistas. mas a grande maioria, fica caladinha, quieta como se nada.
mas a tv mostra, e com ajuda da tecnologia, prova sem dúvida o erro do grito. e ai, como fica a mocinha capriatti, quando está sozinha com seu botões? sente-se vitoriosa por ganhar um jogo onde houve erro de arbritagem?
só sei que é dinheiro muito envolvido num torneio desse, os vencedores ganham 1 milhão de dólares cada um.
levanta-se agora a possibilidade do uso do replay pra decidir esses “impasses”.
eu sou mais tradicionalista e acho que deve continuar como está, e apostar na honestidade dos jogadores. serei ingênua?

6×4 6×4 6×4

gugafrance_tennis_french_open_rog139.jpg
GUGA! GUGA! GUGA!!!!
quem acompanha o guga sabe o que significa esta vitória contra rodger federer, atual número 1.
roland garros é um torneio muito especial pro guga, onde ele já ganhou 3 vezes. daqui pra frente, depois deste jogo de hoje e sem agassi, ferreiro, rodick, crescem minhas esperanças que ele seja tetra campeão!!
fico injuriada de não poder acompanhar os jogos pela tv. a tal da espn daqui não transmite as primeiras rodadas ao vivo, e quando o faz só mostra os tenistas americanos. tenho que me contentar com a rádio do site do torneio e vendo os pontos mudarem na tela :-( mas mesmo assim me emocionei como nos velhos tempos. dá-lhe guga!!!
bom fim de semana pra nós, com essa alegria no coração.

danças e vitórias

Nao deixe a escola atrapalhar seus estudos!
adorei o título deste post no blog da minha sobrinha-lida-do-meu-coração, que mora em amsterdam, estudando dança. nunca tinha falado nem linkado o blog dela porque ela não posta com frequência. mas pra quem está interessado em escolas de danças na europa, ela tá fazendo uma série de posts interessantes sobre isso.

bolinhacolorida.gif bolinhacolorida.gif bolinhacolorida.gif

guga_27_05_04(1).jpg nosso guga ganhou mais uma!!!! uebaaaaaaaaaa.
sábado vai jogar a terceira rodada contra o atual número 1 do mundo, rodger federer. vai com fé guga!
update: GUGA É TRICAMPEÃO DO PRÊMIO PRIX ORANGE .
Gustavo Kuerten ganhou nesta sexta-feira outro importante prêmio no torneio. Único tricampeão da competição em atividade no circuito, ele é agora o único tricampeão da história do “Prix Orange,” prêmio que homenageia o jogador mais “apaixonante” e com melhor atitude esportiva em quadra.
Escolhido pela imprensa mundial até este ano, o “Prix Orange” mudou e passou a ter o voto do público, que escolheu o brasileiro, entre tantas estrelas do circuito e jogadores franceses, como o seu favorito.
e tem novidade no blog do frank!!!!!

orgulhosa estou!

guga_24_03_04.jpg nosso guga nao anda ganhando nas quadras como antigamente, mas continua nos orgulhando:
“Gustavo Kuerten foi escolhido para receber uma das maiores honras do circuito mundial de tênis. Ele foi eleito pela ATP e pelos jogadores para receber o prêmio “Humanitário Arthur Ashe”, por todo o trabalho realizado através do Instituto Guga Kuerten e pelo que ele representa para o tênis mundial. Durante esta tarde, no Nasdaq-100 Open, Guga receberá o troféu, que já foi dado a Nelson Mandela em 1997, em uma cerimônia na quadra central do Crandon Park.” VALEU GUGA!

foi bom demais!!!

para quem nao gosta ou simplesmente nao acompanha jogos de tenis, este post vai ser um saco hahaha
comecemos pelo fim: saretta 3 x O lapentti. ueba! eh muito legal ver os jogos assim bem de pertinho. quando a gente ve pela tv a a bola parece tao lenta. de perto, nem a bola eh normal!!! o jogo do saretta foi numa quadra pequena e nos conseguimos sentar na primeira fila da arquibancada. fica-se numa distancia de 1m e meio do jogador. foi bem emocionante, alem do treinador, eu era a unica brasielira sentada ali e gritando: dale sareeeeeeeeeeeettta :-) logo na segunda jogada ele torceu o pe e ficou sentado no chao uns 3 minutos, sentindo o tornozelo, mas levantou e fez bonito. mas vamos combinar aqui: ele jogou bem legal, mas o lapentti nao jogou nadica de nada. nao tenho acompanhado os jogos de tenis como antes, entao nao sei como anda este equatoriano, mas ontem ele estava numa apatia de dar do. ele nao conseguiu fazer mais que 2 ou 3 pontos. os resto dos pontos que ele conseguiu foi nos erros do saretta. e o pior era que tinha uma turma de equatorianos torcendo por ele, e eles gritavam e torciam quando o saretta errava, porque o pobre do lapentti nao acertava uma. eh provavel que ele tenha sido punido por ter jogado a raquete no chao com tanta ira que o objeto fiqou retorcido. mas enfim, foi muito bacana. mas quando vi com quem o saretta vai jogar na proxima rodada, minhas esperancas murcharam. ele vai pegar o americano rodick, que aqui pra nos, o meninozinho nojento! ele e o hewitt sao dois jogadores da minha antipatia. parabens saretta!!!!!

agora vamos pro comeco: fomos convidados por um cliente da empresa em que o paul trabalha, mas gracas que nao foi aquelas coisas formais. chegamos e fomos direto pro restaurante que tem dentro do maior estadio, onde seria o almoco. um lugar bem legal, mas nao entendi porque nao tinha nenuma tela pra gente acompanhar os jogos enquanto estavamos ali. o garcon disse que era pra nao fazer barulho, e eu pergunto: e o “mute” ta podi? deixando de lado minhas implicancia com as ausencias ou extravagancias, o almoco foi otimo: um prato de frutos do mar hummmmmmmmmmmmmm delicioso. adoro tudo do mar.
primeiro jogo no arthur ashe stadium: james blake x sargis sargsian. blake levou. em seguida assistimos uma boa parte do jogo feminino kim clijsters x svetlana kuznetsova. foi facil a numero 1 do mundo eliminar a russa. este estadio eh o maior do complexo: imenso, com capacidade para mais de 23 mil pessoas. e quem estava la sentadinha no camarote da pepsi, assistindo ao jogo era a mocinha, condoleza rice. imagine o tanto de seguranca que estavam por tras.
depois fomos pro armstring stadium onde o cliente tinha ingressos pra primeira fila!!! oh cliente bendito! vimos o final do jogo entre meghann shaughnessy x vera zvonareva, que foi bem disputado, mas meghann levou. em seguida foi o jogo do federer com o frances lisnard. facil pro federer que esta no 2o lugar, depois que ganhou wimbledon. eu o considerava um homem muito bonito, mas “ao vivo” nao eh essas coisas nao. na tv ele eh bem melhor. nao vimos o final do jogo pois queria ver o saretta e tudo indicava que federer ia ganhar facil.
chegando na quadra 10 pra ver o saretta, vimos os utimos 2 sets, disputadissimaos, do jogo com os alemaes rainner schuettler e nicolas kiefer. schuettler levou.

e pra terminar este relato interminavel, vou falar do complexo que eh maravilhoso. o lugar eh super bonito, imenso, cheio de lojas e restaurantes. fico imaginando como um lugar deste pode sobreviver com um unico evento anual. eh uma industria fantastica. isso esses americanos sabem fazer bem demais. me impressiona toda a producao, organizacao e fabrica de dinheiro. se voce pretende ir ao us open, planeje como quem vai fazer uma viagem e faca um bom orcamento. tudo custa muito caro, desde do ingresso, logico, a garrafinha de agua a 3 dolares. acho que nada custa menos do que isso por la. acabei de ver aqui na internet, que um ingresso pro arthur ashe hoje, numa boa cadeira pode custar mais 1500 dolares!!!!!!!!! imagina quanto nao vai custar pro dia da final. e o pior eh que tem gente que paga.
uma dica: eles vendem ingressos um pouco mais barato dizendo que voce nao tem acesso ao arthur ashe, mas nao eh verdade. nao tem acesso aos lugares mais proximos, mas pode sim, subir ate o ultimo andar e asisitir a qualquer jogo la na “geral” :))))
por hoje eh so ne? um bom sabado pra nos.

a rotina desta vadia que vos fala foi completamente alterada desde de quarta-feira. nao parei em casa desde de entao. este eh o motivo da minha ausencia nos blogs e por nao ter respondido os e-mails prontamente, como de costume. hoje vamos passar o dia todo fora novamente. pretendo colocar as vadiagens em dia em breve.

meu guga

o guga tava ganhando de 2 sets a 0 quando o jogo foi suspenso. motivo: falta de energia natural. diaboeisso? num tem mais energia eletrica na cidade da luz que eu tanto amo, nao??? ja nao bastasse esses americanos nao mostrarem o torneio (eles mostram os americanos jogando, e mesmo assim hoje nao foi ao vivo. e olhe que sao 2 canais espn a cabo e mais a nba aberta). agora so amanha. as 6 da manha. vou saber o resultado mais tarde. se fosse naquele tempo, eu acorda as 6 e ia assistir. agora eu tenho mais o que fazer. me desculpe senhor, mas eu fiquei feliz do hewitt ter perdido. oh rapazinho nojento. nao basta jogar bem, tem que ser bacana tambem.

vamo la guga!!!!


to doida pra ver imagem de novo.
o guga eh um pouco responsavel pela minha felicidade e por eu ta morando aqui em nyc. huh? eh isso mesmo que voce leu.
passei muito tempo sozinha na minha vida. sozinha que eu digo eh sem namorado. e, pra vida num ficar azeda, eu sempre arranjava um “chiclete de ilusao” pra me emocionar e animar os dias.
em 2001, o chiclete da vez foi o guga. eu nao entendia nada das regras de tenis (aqui pra nos nao tem muita logica, ne?), mas com a ajuda de dois amigos, aprendi rapidinho e o tenis virou a grande empolgacao da epoca. guga estava ganhando todas. e eu la, acompanhando todos os jogos. cheguei a levar uma tv pro trabalho. era paixao mesmo. alias, eu tenho essa mania (defeito?) de viver tudo com muita intensidade. a paixao nao era pelo “homem guga”, mas pelo seu desempenho, garra, determinacao e por aquela carinha “de gente boa” que ele tem. . do final de 2000 ate agosto de 2001 ele me deu muitas alegrias. minha empolgacao era tao grande, que resolvi procurar alguem no icq, que morasse em nyc, pra conversar sobre o torneio us open. meu ingles era muito ruim (ainda eh!) e procurei alguem que falasse frances.
olhe, com as caracteristicas que coloquei no perfil da busca, somente 1 pessoa online: paul saint-pierre! (eh, eh, conheci o paul pela internet!!!!) dai pra frente, “meu guga” comecou a ter problemas fisicos e nunca mais ganhou como antes. mas eu ganhei um namorado maravilhoso e minha vida mudou completamente.
continuei acompanhando o guga, mas o chiclete que passou a adocar a minha boca era outro. em agosto do ano passado, pra comemorar 1 ano do nosso encontro virtual, fomos ao us open. foi a primrira vez que assisti uma partida de tenis ao vivo e a cores! foi super emocionante ver “meu guga” ganhar lindamente do marat safin, que na epoca era o 2o no ranking mundial. alegria pura.
hoje estou aqui cheia de esperanca (ele acabou de ganhar a segunda rodada), torcendo pra ele ganhe pela 4a vez o torneio de roland garros, e recupere a confianca perdida. e eh isso. a vida eh bela. ainda mais com o ceu azul e temperatura de 21 graus! fui!