BON

blogofnotes.jpg
comecei a fazer esse blog assim do nada e nao imaginei como isso mudaria minha vida de vadia por aqui. e pra confessar mesmo, eu fui saber que existia blog no ano passado (e eh porque sou uma viciada em internet!).
um amigo que mora em sao paulo leu um post do danilo amaral sobre uma viagem que ele fez na epoca do outono, e me mandou o link. li aquele texto bem legal e pronto *. nem desconfiei que era um blog.
ai quando comecou a guerra, e eu queria noticias e relatos mais verdadeiros, eu descobri o que era um blog. pensei: tai, bem que eu podia fazer um negocio desses! e meus amigos la no brasil iam saber de mim todo santo dia. e comecei. mas, embora goste e seja viciada em computador, nao tenho muita paciencia para o aprendizado. eh a idade. mas enfim, peguei o sample do template e comecei a brincar de postar. menino de deus, foi assim a fome com a vontade de comer. foi o chinelo pros pes descalcos. eu gostei tanto tanto dessa brincadeira que meu namorado-quase-marido estranhou. de repente o jantar era so sopa de tomate campbell. “nao tinha mais tempo” pra pensar na janta! so queria ler blogs e mais blogs e fazer o meu proprio sem ter boas condicoes para tal.
so sei que foi e esta sendo muito bom para mim. tem sido otimo esse “chiclete” pra mastigar todo dia. e o melhor eh que sao tantos, tantos blogs interessantes para ler todo dia, que o chiclete nunca fica sem gosto.
e ai, eu saio com a amiga cearense que esta aqui em nyc. quando chego em casa e abro meus e-mails, estao la umas pessoas nunca vistas antes, fazendo comentarios. e uma delas, cita que chegou aqui atraves do “blogs of note”.
ai vai? diaboehdeiz?
quem te viu quem te ve. uma mulher que sempre esteve nos bastidores, hoje foi ao palco. e o mais interessante eh que eles nao colocaram o nome do blog que eh “vadiando”. colocaram “pixota” que faz parte do endereco, e eh meu apelido pros que me conheceram enquanto adolescendo eu estava.
entao, sejam bem vindos. aqui nada de mais encontraras alem da minha bobagem. mas saberas o que sinto. saberas onde anda doendo, ardendo e sorrindo. e pronto. eh so isso mesmo.
falo muito e escrevo pouco, apesar de agora e antes de ontem.
e eh isso. num vou mentir, gostei de ser citada la. seja la o que isto signifique. no final das contas, meus amigos quase nunca vem aqui. eles sao na maioria “tecno-burros”, ou melhor, nao se entendem tao bem com este universo maravilhoso (internet) quanto nos. as vezes eu copy/paste meu post e envio por e-mail pra eles.
e a vida eh mesmo assim. essa eh minha frase predileta entre outras tantas. “o mais importante eh que nossa emocao sobreviva”, o resto eh besteira. e besteira eh bom demais!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
viva eu, viva tu e viva o rabo do tatu! vou parar por aqui antes que a proxima rima me remeta a linguagem chula 🙂
* descobri depois, que o danilo morou no mesmo predio que eu aqui em nyc. eh demais ne nao?

18 comentários em “BON”

Os comentários estão fechados.